E quando o dependente químico é seu filho?

Publicado em jun 25, 2014

E quando o dependente químico é seu filho?

Quando se trata de um filho ou filha, o mais frequente é simplesmente não conseguirmos assumir as atitudes que conseguimos ter com outras pessoas que estão com os mesmos problemas. O sentimento mais comum dos pais é de infelicidade, principalmente quando o uso de drogas está levando os filhos a um caos na vida pessoal, com a perda de emprego, casamento, etc.

O apego faz com que você se torne obcecado pela vida de seus filhos, faz com que as dores deles pareçam ser suas, perdem-se as fronteiras entre o que é seu e o que é deles. Para superar essa condição é preciso percorrer um processo que envolve os seguintes passos:

• Veja que este apego não é positivo e não ajuda a ninguém. O melhor terapeuta é aquele que não se apega, mas procura até se desapegar. É o que dá claridade e objetividade e possibilita que a suas habilidades possam ser usadas mais efetivamente.
• Veja que seu apego está lhe fazendo mal. Apesar de você se sentir muito próximo de seus filhos, a vida mais próxima a você é a sua própria vida. Sacrificar boa parte dela ao sofrimento é destrutivo. Você precisa dar valor a si próprio o suficiente para desejar uma vida boa. A partir de seu bem estar você vai poder oferecer mais a quem precisa, e não menos.
• Rejeite falsas esperanças e o constante apelo a “soluções” que não funcionam e que seus filhos sempre rejeitam. Se eles dizem não, seja adulto para aceitar que não significa não.
• Cure suas feridas. Muitos viciados em drogas perderam a condição de cuidar de quem está à sua volta. Eles estão habituados a ferir, rejeitar, trair, manter segredos e a não ter fé. A doença age dessa forma, mas todo o comportamento negativo fere a você. Não permita que a culpa o transforme em um saco de pancadas ou um capacho. Trate a sua dor.
• Preencha sua necessidade de relacionamento. Se você tem um marido ou esposa, se ainda é casado, reconstrua as pontes com o seu companheiro. Este não é um caminho para se percorrer sozinho. Compreenda que os filhos não oferecem o relacionamento primordial, mesmo que você só tenha a eles, ainda assim não constituem seu relacionamento primordial, porque não estão ligados a você no final das contas. Encontre alguém para se relacionar que realmente se importe com você.
• Encontre uma crença para seguir. A sua visão pode ser uma ilusão, apoiada na falsa noção de que se você conseguir encontrar a chave certa vai resolver a vida de seus filhos. Entretanto, os pais não conseguem resolver a vida dos filhos depois que eles crescem o que não quer dizer que tenham falhado. É preciso que os pais encontrem um objetivo na vida para preencher o espaço onde agora reside a ansiedade e a culpa.
A Clínica Nova Aurora, para Reabilitação e Tratamento para Dependentes Químicos ~ Alcool ~ Drogas, conta com uma equipe de funcionários que estimula o uso de modelos de comportamentos positivos no interior da comunidade. Dispomos de psiquiatra, psicólogo, personal trainer, filósofo, técnico em dependência química, monitores e coordenador, com larga experiência na área, além de enfermeiro de nível superior. Nossa Clínica de Reabilitação se encontra ao lado de Recife-PE à poucos minutos do Centro. Atendemos também dependentes químicos de João Pessoa – PB, Maceió- AL e Natal – RN. Entre em contato conosco!